TAÇA SANTA CATARINA 2016
4 a 6 de março de 2016
Boliche Social Clube - Barra Shopping
Rio de Janeiro - RJ
FEDERAÇÃO CATARINENSE DE BOLICHE – FECBOL

RESULTADOS ONLINE [ver]

 

RESULTADOS PARA DOWNLOAD EM ARQUIVOS .PDF

DIVISÕES 6 de março 5 de março 4 de março
1.ª DIVISÃO TERCETOS RODADA FINAL 2.ª RODADA 3.ª RODADA
2.ª DIVISÃO TERCETOS RODADA FINAL 2.ª RODADA 3.ª RODADA
ALL EVENTS - FEMININO RODADA FINAL 2.ª RODADA 3.ª RODADA
ALL EVENTS - 1.ª DIV. MASCULINA RODADA FINAL 2.ª RODADA 3.ª RODADA
ALL EVENTS - 2.ª DIV. MACULINA RODADA FINAL 2.ª RODADA 3.ª RODADA

C O N V I T E

A FEDERAÇÃO CATARINENSE DE BOLICHE – FECBOL, organizadora, promotora e coordenadora  da TAÇA SANTA CATARINA DE TERCETOS 2016, comunica que estão abertas as inscrições conforme o regulamento abaixo.

O programa de óleo a ser utilizado será o Bourbon Street com 40 pés da categoria Navigation Recreation da Kegel.

Os resultados são válidos para o Ranking Catarinense e o Ranking Nacional e é aberta a todos os praticantes de Boliche.

Serão 2 (duas) divisões de Tercetos e cada componente desses 2 (dois) Tercetos campeões ganhará 2 (duas) diárias, com direito a acompanhante, no Oceania Park Hotel, localizado na Praia dos Ingleses, Florianópolis - SC.

R E G U L A M E N T O

1. LOCAL DO EVENTO:

1.1- Boliche Social Clube no Barra Shopping na cidade do Rio de Janeiro - RJ.

2. DOS DIAS e HORÁRIOS:

2.1 – Dias 4 a 6 de março de 2016 *9h – Início do bate bola.

2.2. Caso venha a ser necessário o uso de 2 (dois) turnos, faremos a comunicação sobre local e horário.

3. DOS PARTICIPANTES:

Aberto a todos os adeptos do esporte Boliche, filiados ou não a FECBOL e demais Federações de todo o Brasil.

4. DAS INSCRIÇÕES:

4.1 – As inscrições deverão ser realizadas até as 18h do dia 26 de fevereiro de 2016, por Email para fecbol@tifloripa.com.br com Pedro Lima com cópias para rogeriobachi@bol.com.br, com Rogerio Bachi.

4.2 – Valor da inscrição por atleta: R$ 300,00 (Trezentos Reais).

4.3 – O pagamento das inscrições deverá ser realizado impreterivelmente até o final do segundo dia do evento com os responsáveis Pedro Lima e ou Rogerio Bachi.

5. DA FORMA DE DISPUTA:

5.1. O Evento será disputado na forma de Tercetos, sem categorias, e as divisões serão especificadas de acordo com o número de atletas inscritos e com base no Ranking da CBBOL (serão permitidas inclusive tercetos mistos). A disputa será em 20 (vinte) partidas divididas em 03 (três) rodadas: com 08 (oito) partidas no dia 04 de março, 6 (seis) partidas no dia 5 de março e 6 (seis) no dia 6 de março de 2016 com mudança de pistas a direita a cada partida.

5.2. Não haverá final. A classificação será pela totalidade de pinos derrubados ao final das 20 (vinte) partidas.

5.3. Havendo empate em qualquer posição, será observado o critério de desempate:

a) maior partida individual (all events) ou do terceto;

b) maior série individual ou do terceto.

6. DO POSICIONAMENTO NAS PISTAS:

6.1. Nas duas primeiras séries (dias 4 e 5), os tercetos serão posicionados de acordo com a indicação da Diretoria Técnica da FECBOL.

6.2. Na última série (dia 6), o posicionamento dos tercetos nas pistas, será pela ordem de suas respectivas classificações durante a competição, antes do início da fase, nas pistas determinadas pela FECBOL.

6.3. Serão posicionados 3 (três) atletas por pista, com mudança de pista a direita, a cada partida.

7. DO CONDICIONAMENTO DAS PISTAS:

7.1. O programa de óleo a ser utilizado será o Bourbon Street com 40 pés da categoria Navigation Recreation da Kegel.

8. DAS PREMIAÇÕES:

8.1. Serão premiados com troféus o 1.º terceto colocado e com medalhas, os tercetos 2.º e 3.º colocados.

LEMBRANDO QUE OS ATLETAS DO TERCETO CAMPEÃO GANHARÃO 2 DIÁRIAS COM DIREITO A ACOMPANHANTE NO OCEANIA PARK HOTEL, LOCALIZADO NA PRAIA DOS INGLESES EM FLORIANÓPOLIS, SC.

8.2. Serão premiadas com medalhas as maiores partidas Individuais e de Tercetos, após disputadas as 20 (vinte) partidas do evento;

8.3. Ao final das 20 (vinte) partidas, serão premiados “all events”, com medalhas, do 1.º ao 5.º colocados nas categorias individuais masculino e feminino.

9. DA DISCIPLINA E REGRAS DE DISPUTA:

9.1. DOS ATRASOS/FALTAS DOS ATLETAS:

9.1.1. Segundo normas da W.T.B.A., qualquer jogador ou terceto que chegar atrasado, poderá iniciar sua participação no par de pista designado, respeitando o frame e ordem de jogo de suas respectivas pistas, computando-se “zero” para os frames completados;

9.1.2. Não será aplicado “BLIND”.

9.1.3. Para efeito de “all events”, serão computadas somente as partidas efetivamente jogadas e a classificação será observada pelo total de pinos derrubados.

9.1.4. Para efeito de Ranking, os atletas terão seus resultados computados, desde que participem com todas 20 (vinte) linhas completas jogadas.

9.2. RITMO DE JOGO

A FECBOL se reserva o direito de aplicar regras próprias para o evento, em razão do número de participantes e adequação de cumprimento das exigências da casa comercial, quanto o horário de liberação de pistas.

9.2.1. JOGO LENTO – os atletas deverão respeitar, ao posicionar-se para execução do arremesso, uma pista à sua direita e uma pista à sua esquerda. Competidores do mesmo par de pistas não deverão fazer arremessos consecutivos, sem permitir que os jogadores da pista à esquerda e a direita, façam seus lançamentos, ressalvada a hipótese que não estejam prontos para seus respectivos arremessos.

9.2.2. Será considerado JOGO LENTO, no caso de que qual(is)quer jogador(es) em seus respectivos pares de pistas, estejam mais de 2 (dois) frames atrasados em relação aos demais competidores.

9.2.3. Havendo constatação de JOGO LENTO, o(s) atletas serão advertidos por pessoa autorizada pela FECBOL, respeitado o limite de duas advertências no evento. Havendo a terceira constatação de JOGO LENTO, será computado “zero” no frame ao(s) atleta(s) advertidos.

9.2.4. Os atos de indisciplina, desrespeito, vandalismo e agressão contra outros atletas e as dependências do boliche serão julgados pelos organizadores do evento (Pedro Lima e ou Rogerio Bachi), e poderão resultar na eliminação tanto do atleta quanto da equipe para o resto desta competição.

9.3. FUMO – BEBIDAS E ALIMENTOS:

9.3.1. É proibido o fumo durante o turno que o atleta esteja jogando, mesmo que em área designada para tal. Após o jogo, o atleta deverá respeitar a legislação local vigente quanto ao fumo.

§1.° Caso um atleta seja pego fumando durante uma partida, a mesma será zerada para efeito de pontuação.

§2.° Caso o jogador seja pego fumando entre as partidas, será zerada a partida subsequente.

§3.° Em caso se reincidência, o jogador será excluído do torneio.

9.3.2 – Não será permitido consumir bebidas alcoólicas durante o jogo. Após o encerramento de seus turnos, a liberalidade do consumo de bebidas alcoólicas será respeitado, desde que o(s) atleta(s) não esteja(m) trajado(s) com uniformes/camisetas alusivas ao esporte.

9.3.3. O consumo de demais BEBIDAS e ALIMENTOS, será permitido FORA DA ÁREA DE JOGO, devendo os atletas, utilizarem-se dos balcões ou mesas localizadas fora da área de competição.

9.4. DA ALTERAÇÃO DE SUPERFÍCIE- APPROACH – SAPATOS:

9.4.1. Deverão ser observadas as regras WTBA, quanto ao uso de substâncias químicas. No intervalo entre partidas, poderá ser alterada a superfície das bolas, antes do primeiro arremesso do atleta, e jamais na área de jogo, observando que as bolas deverão ser limpas após qualquer alteração de sua superfície.

9.4.2. Não será permitido o uso de talcos ou quaisquer produtos no APPROACH, tampouco nos sapatos dos competidores.

9.5. UNIFORME:

9.5.1. Os Tercetos deverão estar uniformizados (camisas iguais) com camisas alusivas ao esporte BOLICHE, a partir da primeira rodada, sob pena de exclusão dos resultados obtidos pela dupla, até regularização dos uniformes.

9.5.2. Será admitido o uso de bermudas.

10. BATE BOLA:

Todo turno se iniciará com 10 (dez) minutos de BATE BOLA.

11. DA ORGANIZAÇÃO:

É de responsabilidade da FECBOL a organização do evento.

11.1. Todos os resultados serão computados após o término da linha, devendo ser conferidos pelos atletas, ANTES DA ENTREGA das súmulas respectivas. Havendo quaisquer anotações equivocadas, deverão solicitar ao atleta de qualquer dupla adversária, para que viste eventuais correções e/ou rasuras em suas anotações.

11.2. Serão afixados em áreas pré-determinadas pela Organização, até o final do 4.° frame da linha seguinte, os resultados lançados, devendo todos observar que o prazo para reclamações e/ou correções será de até uma hora após o término do turno ou ANTES DO INICIO DO TURNO SEGUINTE. Não havendo manifestação dentro do prazo estipulado, os lançamentos serão considerados regulares.

11.3. O novo sistema de marcação utilizado pela FECBOL será totalmente On Line e de responsabilidade integral da FECBOL.

12. DISPOSIÇÕES FINAIS:

Casos omissos no presente Regulamento, serão aplicadas as Regras desportivas pertinentes (FIQ, WTBA, NORMABOL), ou quaisquer outras previstas para a prática desportiva BOLICHE.

Florianópolis, 3 de fevereiro de 2016.

PEDRO MACHADO DE LIMA
Presidente

ROGÉRIO BACHI
Vice-Presidente