Protocolo de Intenções
para realização de eventos nacionais da CBBOL ano de 2010

CAMPEONATO BRASILEIRO DE CLUBES

A - Centros de Boliche: os pontos são cumulativos conforme a capacidade de realizar o evento

A1- Quantidade de atletas abaixo, utilizando um turno num único centro de boliche.
140 ou mais atletas > 10 pontos
120  a 139 > 08 pontos
100 a 119 > 04 pontos
Abaixo de 100 > 02 pontos

A2 - Quantidade de atletas abaixo, utilizando um centro de boliche e dois turnos.
140 ou mais atletas > 10 pontos
120  a 139 > 08 pontos
100 a 119 > 04 pontos
Abaixo de 100 > 02 pontos

A3 - Quantidade de atletas abaixo, utilizando um turno em dois centros de boliche com condicionamento semelhante, com preços por atleta iguais.
140 ou mais atletas > 10 pontos
120  a 139 > 08 pontos
100 a 119 > 04 pontos
Abaixo de 100 > 02 pontos

B - Preço em R$ (reais) por atleta, fornecido pelos centros de boliche.

R$ 110,00 a R$ 129,00 > 10 pontos
R$ 130,00 a R$ 139,00 > 09 pontos
R$ 140,00 a R$ 149,00 > 07 pontos
R$ 150,00 a R$ 159,00 > 05 pontos
R$ 160,00 a R$ 169,00 > 03 pontos
R$ 170,00 a R$ 179,00 > 01 ponto
R$ 180,00 ou acima > 0 ponto

C - Organização do evento

Federação local 100% > 05 pontos
Compartilhada com CBBOL > 03 pontos
CBBOL > 0 ponto

D - Hospedagem em apto duplo com café da manha incluso

Até R$ 120,00 > 05 pontos
R$ 150,00 > 03 pontos
R$ 180,00 > 01 ponto

E - Transporte dos hotéis para área de jogo

Sim > 02 pontos
Não > 0 ponto

F – Condicionamento das Pistas

Centro de Boliche possui equipamento com programa de passagem de óleo com mapas de passagem do mesmo (óleo curto e óleo longo)?

Sim > 05 pontos

Não > 0 ponto

Geraldo Couto
Presidente


COMUNICADO GERAL - 11.05.2010
O Presidente da Confederação Brasileira de Boliche – CBBOL, utilizando-se das prerrogativas que lhe são conferidas por Estatuto e legislação pertinente que disciplinam a prática desportiva, em nota oficial dirigida às Federações Filiadas esclarece:
1. Nos termos do artigo 41, alínea f c/c artigo 31, alínea a, do Estatuto da Confederação Brasileira de Boliche, é de competência do diretor técnico elaborar os projetos de regulamentos dos campeonatos e torneios promovidos ou patrocinados pela CBBOL, sendo de competência da Presidência, tomar quaisquer decisões que entender oportuna à ordem e aos interesses da CBBOL, inclusive nos casos omissos.
2. Em Assembléia Extraordinária realizada em 20 de novembro de 2009 com a participação das Federações filiadas, após votação, ficou decidido que a partir de 2010 não mais haveria sedes fixas para a realização de Campeonatos Brasileiros e que a definição da forma de disputa dos eventos nacionais, seria definida através de Protocolo de Intenções.
3. Os critérios do Protocolo de Intenções veiculado no site da CBBOL e das Federações filiadas, em janeiro de 2010, referem-se EXPRESSAMENTE ao Protocolo de Intenções relativo ao CAMPEONATO BRASILEIRO DE TERCETOS, cujo inteiro teor foi recepcionado pelas Federações filiadas, com aprovação tácita na medida em que enviaram suas propostas tempestivamente.
4. No que concerne ao CAMPEONATO BRASILEIRO DE CLUBES, foi enviado o Protocolo, com todos os quesitos que deveriam ser considerados, com a graduação de pontuação para apuração da proposta vencedora. Quanto aos critérios utilizados para a elaboração dos quesitos do Protocolo de Intenções para o CAMPEONATO BRASILEIRO DE CLUBES, observaram-se itens como, condições financeiras, facilidades de transporte, hospedagem e organização do evento, assim como as facilidades operacionais. A CBBOL estabeleceu como termo final para devolução das propostas, o dia 19 de abril.
5. Assim, recepcionado inteiro teor do Protocolo de Intenções relativo ao CAMPEONATO BRASILEIRO DE CLUBES por parte das Federações filiadas, uma vez que enviaram suas propostas no prazo estabelecido, o resultado da proposta vencedora foi enviado às Federações, via e-mail, aos 24 de abril de 2010, e, disponibilizado no site da CBBOL, dia 07 de maio de 2010.
6. Ocorre que após a divulgação da Proposta vencedora, surgiram questionamentos por parte de Federação filiada derrotada no processo licitatório, sob a alegação de que foi desrespeitado “Protocolo Original” votado em São Paulo, tornando tal manifestação oficial no site de aludida Federação.
A Confederação Brasileira de Boliche, na pessoa de seu Presidente em exercício esclarece que: tais informações veiculadas em site da Federação filiada não condizem com a veracidade dos fatos, pois não há qualquer “Protocolo Original votado”.
O Protocolo de Intenções divulgado em Janeiro refere-se ao Campeonato Brasileiro de Tercetos, cuja aprovação foi tácita, já que as entidades filiadas participaram do processo licitatório sem restrições. O mesmo ocorreu com o Protocolo de Intenções relativo ao Campeonato Brasileiro de Clubes.
Após divulgação do Protocolo, e diante da aprovação por parte das Federações filiadas que responderam com propostas oficiais: FMBOL, FBRJ e FPBOL, o processo licitatório transcorreu de forma transparente e lícita, respeitando-se na integralidade todos os quesitos apresentados.
Após tais esclarecimentos, e cumpridas todas as formalidades legais, no exercício das faculdades atribuídas ao cargo, reiterando o COMUNICADO de 11 de maio de 2010, declaro OFICIALMENTE que o CAMPEONATO BRASILEIRO DE CLUBES 2010, realizar-se-á no Rio de Janeiro nos dias 03, 04, 05 e 06 de junho.
Atenciosamente,
Geraldo Couto - Presidente


COMUNICADO 11.05.2010
O Presidente da Confederação Brasileira de Boliche – CBBOL, no uso de suas atribuições, comunica à todos que, após verificação da pontuação do Protocolo de Intenções, previamente enviado às Federações Estaduais, decidiu que o Campeonato Brasileiro de Clubes será realizado no Rio de Janeiro, nos dias 3, 4, 5 e 6 de junho de 2010.
Atenciosamente,
Geraldo Couto - Presidente