Comunicado do Presidente da CBBOL - 02.10.2012

Governabilidade

Tenho passado por um turbilhão de problemas na condução da CBBOL nos últimos meses, em especial nos últimos 30 dias , nunca entro em um projeto para abandona-lo nas primeiras tormentas.

Consultando a maioria dos ex-presidentes, sempre sou criticado pela Democracia colocada em pratica em nossa gestão, mas reafirmo conforme tornado público em 23/12/2011, que meu objetivo é Democratizar para Desenvolver! (texto enviado a todas as federações e publicado para debate no www.boliche.com.br).

Dele extraio na versão original alguns parágrafos:

“Analisando todos os processos anteriores de gestão de nosso esporte, tenho certeza que o único Caminho que poderá nos levar ao Desenvolvimento é a Democratização.”

“Administrar de uma forma democrática que tenha firmeza nas decisões, mas que tenha coerência e responsabilidade em representar as aspirações dos reais envolvidos.”

“Pretendo administrar com o Apoio de CONSELHOS, que iniciariam de forma Consultiva, mas depois de sua própria evolução e consolidação, respeitando as mudanças Estatutárias que se façam necessárias, poderão se transformar em Deliberativos, pois não entendo que o Esporte deve seguir apenas com a influência dos Dirigentes, inicialmente estes seriam os Conselhos que criaríamos:”

“1. CONSELHO DE FEDERAÇÕES

Hoje as Federações já são o Órgão Máximo de nossa estrutura, porém na sua maioria precisam se fortalecer. Com este fortalecimento teremos uma CBBOL também forte. Com este conselho procuraremos Descentralizar em todos os níveis, desde mais eventos regionalizados, expansão do Conhecimento e Treinamento, até a Criação de Vice Presidências das 5 regiões geográficas, que não seriam cargos eletivos , mas sim indicação por consenso dos próprios envolvidos, que teriam função de representação da Diretoria eleita, com todas prerrogativas e contribuiria inclusive para redução de custos de deslocamentos em eventos.”

“Para garantir a Governabilidade e também dividir este fardo tão pesado, proponho que cada federação habilitada, encaminhe a Presidência até a próxima Assembleia, uma lista quadrupla, de preferencia com membros de 4 estados distintos para Compor junto com a Presidência, e com assessoria da Diretoria, este Conselho que terá a função de analisar demandas na área Esportiva, sempre que levantadas pelas filiadas e serão inicialmente um órgão consultivo, mas com o Compromisso da Presidência de acatar suas decisões, desde que embasadas nos suportes técnicos e Jurídicos das Diretorias estatutariamente constituídas.”

Esperamos com esta Ação dar maior Força as federações, pois temos clareza que Juntos podemos fazer melhor!

Realização do Sul-americano no Brasil

Baseado em Previsão Orçamentária aprovada por todas as federações em novembro passado, que espelhava a média das receitas e despesas, temos recursos alocados da ordem de seis vezes menos do que o necessário, para Organizar o evento, fazer frente as responsabilidades de um Pais sede (organização, apuração de resultados, transporte em geral, medalhas, Passagem e hotel de um Diretor e da Presidência da CSB, cerimônia de abertura e festa de encerramentos, materiais gráficos e pessoal) , além de garantir as despesas possíveis da Seleção Brasileira, no mínimo Inscrição, Uniforme e hospedagem (lutamos para ser integral, mas temos riscos de ser parcial). Para piorar a estimativa de receitas está bem abaixo do previsto, devido a baixa participação de atletas em eventos 2012 e alguns atrasos que esperamos receber antes do Campeonato de Seleções.

Desde que assumimos buscamos recursos federais, via Convenio, inexistentes até hoje e buscamos apoio político e financeiro, em outros órgãos.

Em março, fomos apresentados a um assessor de um deputado federal, que abriu portas no Município, em abril enviamos Ofício à presidência da Câmara Municipal, conforme orientações políticas, solicitando apoios financeiros e operacionais, conseguimos uma agenda com o Secretario Municipal, que designou um assessor para acompanhar a Coordenadora do Sul-Americano, Dra. Sandra Suzana Donário de Azevedo, nas tratativas, com faculdades, empresas e serviços do município. Porém estamos tendo muitas dificuldades por ser ano eleitoral e nossa data se insere entre o 1.º e 2.º turno das eleições, conforme o resultado das urnas em Guarulhos, mas graças a estes apoios políticos e a efetiva colaboração da Dra. Sandra Suzana, institucionalmente já temos alguns apoios garantidos e aguardamos respostas pelo menos para o transporte , um dos três itens solicitados, o que poderá melhorar nossa relação de receitas e despesas. Por estas razões, não definimos com os atletas quais serão nossas ajudas.

Espero que todos esqueçam divergências com a CBBOL e colaborem especialmente com a Dra. Sandra Suzana, que tem se desdobrado ao lado da presidência, como Coordenadora do evento e assumam funções tão necessárias, como já se prontificaram o Presidente da FPBOL e muitos de seus diretores e colaboradores e também alguns clubes paulistas, que estão reconhecendo os esforços da Dra. Sandra Suzana e nossas dificuldades nesta Organização.

Precisamos de todos, mesmo que de forma parcial, para realizar este campeonato em nosso País. Conclamamos, além dos paulistas, apoiadores outros estados, como os reservas, os aposentados, os mais liberados profissionalmente, enfim toda ajuda será bem vinda, podem se habilitar via email para donarioazevedo@aasp.org.br, ou em um link na página principal do www.boliche.com.br

Com o apoio de vocês, teremos um Sul-americano à altura do  Boliche Brasileiro.

Neste sentido, já definimos junto a CSB a indicação de Karla Redig como Delegada Técnica do evento, tendo em vista que ela já integra a direção da Sul-americana e precisamos de Árbitros com Certificação Internacional, seria ótimo que o Asdrúbal assumisse esta Coordenação, mesmo que não possa estar em Guarulhos, mas que mobilize os demais credenciados a esta função e nos proponha um Quadro mínimo.

Seleção Brasileira

Procuramos ter nas pistas a melhor equipe disponível e, com ajuda de nossa Diretoria, teremos a seleção com o menor índice de Vagas Técnicas de toda a história e, mesmo assim, estamos passando por um quadro absurdo de ameaças.

Não está havendo respeito à entidade e suas autoridades legalmente constituídas, aos atletas convocados que vivem ameaças e constrangimentos inclusive de integrantes da Seleção.

Estamos tomando todas as medidas embasadas em pareceres Jurídicos conceituados e temos inclusive Jurisprudência Superior, que garante as ações até aqui tomadas, bem como medidas cautelares, que resguardem a garantia de termos a SELEÇÃO BRASILEIRA nas pistas.

Agora o que precisamos é que os Convocados se preparem técnica e psicologicamente.

Temos a posição OFICIAL das Federações de Minas Gerais e do Distrito Federal, que nos afirmam que foram suficientemente esclarecidos quanto às demandas de seus filiados, e apóiam/concordam com a decisão CBBOL, o que comprova que não há outro caminho e qualquer medida fora da esfera esportiva não tem amparo no Código Brasileiro de Justiça Desportiva.

Não faremos o mesmo jogo de alguns insatisfeitos, mas reafirmamos que usaremos todas as formas necessárias para  garantir que tenhamos não apenas uma Seleção e sim uma Equipe Brasileira, e aqueles que não se enquadrarem neste espírito de equipe estão sujeito a sanções, como corte até o momento do início dos jogos.

PAZ PARA A SELEÇÃO BRASILEIRA!

UNIÃO E ESPÍRITO DE EQUIPE PARA HONRAR A CAMISA DO BRASIL, JÁ!

César Maciel
Presidente


COMUNICADO 24.09.2012

Comunicamos que apos a divulgação (abaixo) da seleção do Sulamericano, recebemos algumas interpelações e consultas, que estão sendo criteriosamente analisadas em função de seus aspectos técnicos e esportivos e possíveis conseqüências dentro da legislação desportiva, brasileira e internacional e ainda no dia de hoje divulgaremos um comunicado final.

Uma vez mais conclamamos a todos, em nome da melhor equipe brasileira neste evento em nossa terra, a buscarmos uma união de forças tanto nas pistas, quanto na organização do evento, esquecendo divergências pessoais em nome do Desenvolvimento do Boliche.

Cesar Maciel - Presidente


COMUNICADO 21.09.2012
(corrigido e ratificado em 04.10.2012)

O Presidente da Confederação Brasileira de Boliche – CBBOL no uso de suas atribuições e conforme previsão estatutária, após análise da Diretoria Técnica, seguida de parecer da Diretoria Jurídica, divulga a Convocação dos atletas para formarem a Seleção Brasileira que representará nosso país nos Campeonatos Sul-Americanos que acontecerão no NeoGeo Bowling, em Guarulhos/SP, de 14 a 20 de outubro de 2012.

Necessitamos da confirmação dos convocados através da Federação Estadual num prazo de 72 horas, neste ato informando o tamanho da camisa.

Neste momento arcaremos com as inscrições, uniformes e hotel, para os não paulistas (parcial ou integral a definir).

Para que produza seus efeitos

Cesar Maciel - Presidente

FEMININO ADULTO
1 - ROSELI SANTOS
2 - ROBERTA RODRIGUES
3 - MARIZETE SCHEER
VT - STEPHANIE MARTINS
RESERVA: JAQUELINE COSTA

MASCULINO ADULTO
1 - RENAN ZOGHAIB
2 - MÁRCIO VIEIRA
3 - TUCA MACIEL
4
 - JULIANO OLIVEIRA
RESERVA: CHARLES ROBINI

SENIOR FEMININO
1 - MARLENE BONACINA
CB - CRISTINA MUELAS
RESERVA: TITILA ALVAREZ

SENIOR MASCULINO
1 - PAULO SOARES
CB - CARLOS SALGADO
RESERVA: RENATO CASTELLÕES

SUPER SENIOR FEMININO
1 - MARIA SANTOS
CB - LIRA CORAZZA
RESERVA: MÉRIA LANZNASTER

SUPER SENIOR MASCULINO
1 - MARIO ASSAD
CB - OSCAR MARIN
RESERVA: PENINHA CHOAIRY

JUVENIL FEMININO
1 - CAROLINA ARAUJO SIQUEIRA
CB - ISABELA MACIEL
RESERVA: THAÍS MIYUKI

JUVENIL MASCULINO
1 - BRUNO COSTA
CB - THIAGO FELICETTI
RESERVA: BERNARDO ABREU